[RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:31 pm

Wowwww!
Ficou super legall!
dê meus parabéns para ela!
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:32 pm

Mandei!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:33 pm

queria tanto ter esse talento T^T
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:36 pm

Num fica triste, eu tbm não tenho talento nenhum pra desenhar nada!
Eu mandei pra ela fazer a releitura da sua imagem.
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:37 pm

eu só sei de base e a mão
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:38 pm

Ela faz pela mesa digitalizadora, é mais fácil.
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:39 pm

de base para mim é 100% mais fácil, porém tenho que procurar as imagens deles..
lembra do RPG de Steven Universo?
decidi e vou iniciar ele
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:40 pm

Aeeeeeeeee! Finalmente!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:40 pm

eu mudei o PP do Cobalto:


Kawaii Desu né?
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:48 pm

Muito! Mudei o PP da Olivina:
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:52 pm

Junko Enoshima?
Decidi fazer a filha/filho da pérola.
Tó em Duvida de PP para a filha da Ruby:

avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:53 pm

Flha da Rubi? A de cima, claro!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:55 pm


Chorei assistindo isso!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:56 pm

vou ouvir.
prefere qual dessas para filha da Safira?

avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:56 pm

A segunda!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 4:57 pm

a segunda é meio difícil de achar render. mais ok!
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 4:59 pm

Ok!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 5:01 pm

Decidi o PP do filho da Pearl:

Carinha de Certinho arrogante né?
Que pedra acham que ele é?
Frase que descreve a cara da filha da ruby na imagem: U MAD, Bro??!
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 5:03 pm

VDD! Ele é um, sei lá, Pérola?
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 5:16 pm

é~, adivinhou.
Nomes humanos dos meus: Key Maizuno
Ren Mochizuki
Alexandra Collins
Naomi Fujiwara
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 5:20 pm

Nomes legais!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Rin em Sab Maio 14, 2016 5:21 pm

Key: Filho de Lápis
Ren: Filho de Pearl
Alexandra:Filha de Ruby(U MAD BRO??)
Naomi: Filha da Safira
avatar
Rin

Mensagens : 936
Data de inscrição : 13/01/2016
Localização : Central City

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por BiahKase em Sab Maio 14, 2016 5:23 pm

Legal!
avatar
BiahKase

Mensagens : 576
Data de inscrição : 13/01/2016
Idade : 21
Localização : Gotham City - New York

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Miyune em Ter Maio 17, 2016 1:36 am

Eu ainda vou enviar mais uma ficha... Mas por ora... Fico só com a Yozora-chan, que eu só dei um ctrl+c, ctrl+v e mudei o finzinho da história, porque não ia dar certo e tals...
Eu pensei em escolher a Tamako-chan, para usar o diário do assassino... Mas... Eu estava muito a fim de rpgear com a Yozora-chan...
Agora vou fazer a ficha do Tamaki, porque infelizmente eu não tenho uma ficha pronta dele~ *apanha*
Quanto ao diário... Vou reservar o diário servidor...
Edit: Deixa para lá, terminei antes do que eu esperava e.e
Yozora Tsukimura || Diário do Acaso || Primeira:

Nome da personagem:
Yozora Tsukimura.
「月村夜空」
Yozora significa céu noturno. Tsukimura não tem um significado especial, mas é escrito com o kanji de Lua ou mês e o kanji de aldeia.
Idade:
16 anos. Faz aniversário no dia 24 de dezembro, signo de capricórnio.
Gênero:
Feminino.
Imagem:

História:
Yozora nasceu em 24 de Dezembro, numa noite fria de inverno, muito conhecida como véspera de Natal. Os pais de Yozora sempre viram que ela era um tanto diferente de seu irmão mais velho, pelo menos no quesito inteligência, e por esse motivo, seu pai resolveu apostar nela. Acabou que estudar se tornou uma das poucas atividades diárias de Yozora. Inicialmente ela via aquilo como uma forma de satisfazer seus pais, se eles queriam que ela estudasse, ela estudaria, mas ela nunca se deu conta de que sua mãe não queria que fosse assim e que sua infância foi perdida nesse processo. Diferente de seu irmão, e várias outras crianças que se divertiam, Yozora passava o dia trancada dentro de casa estudando. Apesar de serem irmãos, sempre houve uma distância entre Yozora e Kazuya.
Até aí tudo bem, mas quando os pais de Yozora se divorciaram quando ela tinha doze anos, ela se deu conta de que ela nunca havia percebido que a situação já não era a mesma de quando era menor, e passou a se perguntar do motivo, mas nunca conseguiu encontrar uma resposta para essa pergunta que a incomodava tanto, e foi por isso mesmo que ela perguntou para sua mãe do motivo. As palavras que ela ouviu saírem da boca de sua mãe fez ela perceber que era praticamente uma marionete nas mãos do pai. Com isso ela ficou perdida, não sabia mais o que estava acontecendo. Ela amava seus pais, talvez até demais, e com isso, ela não sabia mais dizer se era certo chamar seus pais de mãe e pai. Ela compreendia o lado da mãe, que nunca foi capaz de fazer nada para impedir, visto que Yozora não contestava quando o pai lhe pedia algo, mas mesmo que aquela fosse a verdade nua e crua, era difícil para ela aceitar que sua mãe falasse de seu pai de tal maneira, e mesmo que ela estivesse certa, ela não era capaz de perdoá-la. Mas ela também não poderia ficar do lado do pai, porque ela se deu conta de que seu pai nunca deu a mínima para ela, que sempre a viu como uma maneira de ganhar dinheiro, em outras palavras, percebeu que estava sendo usada.
Ela acabou se afastando das únicas pessoas que ela tinha do seu lado, e passou a ser ainda mais solitária, mas isso nunca a incomodou, estar sozinha já era um costume. Mesmo sozinha, ela não se preocupava com isso, sua mente estava preenchida com outro tipo de preocupação. Ela não sabia mais o que fazer fora estudar, não que em algum momento ela soube o que fazer, mas ela nunca havia parado para pensar nisso. Ela queria saber o que faria assim que terminasse os estudos, afinal, ela nunca parou para pensar em que área ela se especializaria. Mas por muito tempo ela não foi capaz de decidir o que faria, e por muito tempo acreditou que não tinha uma resposta para isso. Mas conforme o tempo foi passando, uma nova questão apareceu em sua cabeça. “Eu tenho algum motivo para estar aqui?”. Essa questão perigosa fez com que ela passasse a se cortar regularmente e chegou a tentar cometer suicídio várias vezes, mas nunca foi capaz de acabar com a própria vida.
Demorou para Kazuya e Miya perceberem o que acontecia ali, cerca de um ano. Só perceberam que havia alguma anormalidade ali quando Yozora começou a tentar se suicidar, e foi por isso mesmo que demorou um tempo para que a vida de Yozora se estabilizasse um pouco. E só agora que ela está se preparando para voltar à rotina de antes, que se resumia sem dormir, comer, estudar, desenhar e ir para a escola.
Diário:
Diário do Acaso.
Code:

Código:
[spoiler=Yozora Tsukimura || Diário do Acaso || Primeira]
[font=Arial Black][center][b]Nome da personagem:[/b]
Yozora Tsukimura.
「月村夜空」
Yozora significa céu noturno. Tsukimura não tem um significado especial, mas é escrito com o kanji de Lua ou mês e o kanji de aldeia.
[b]Idade:[/b]
16 anos. Faz aniversário no dia 24 de dezembro, signo de capricórnio.
[b]Gênero:[/b]
Feminino.
[b]Imagem:[/b]
[img]http://i.imgur.com/ZvTmKlI.jpg[/img]
[b]História:[/b]
Yozora nasceu em 24 de Dezembro, numa noite fria de inverno, muito conhecida como véspera de Natal. Os pais de Yozora sempre viram que ela era um tanto diferente de seu irmão mais velho, pelo menos no quesito inteligência, e por esse motivo, seu pai resolveu apostar nela. Acabou que estudar se tornou uma das poucas atividades diárias de Yozora. Inicialmente ela via aquilo como uma forma de satisfazer seus pais, se eles queriam que ela estudasse, ela estudaria, mas ela nunca se deu conta de que sua mãe não queria que fosse assim e que sua infância foi perdida nesse processo. Diferente de seu irmão, e várias outras crianças que se divertiam, Yozora passava o dia trancada dentro de casa estudando. Apesar de serem irmãos, sempre houve uma distância entre Yozora e Kazuya.
Até aí tudo bem, mas quando os pais de Yozora se divorciaram quando ela tinha doze anos, ela se deu conta de que ela nunca havia percebido que a situação já não era a mesma de quando era menor, e passou a se perguntar do motivo, mas nunca conseguiu encontrar uma resposta para essa pergunta que a incomodava tanto, e foi por isso mesmo que ela perguntou para sua mãe do motivo. As palavras que ela ouviu saírem da boca de sua mãe fez ela perceber que era praticamente uma marionete nas mãos do pai. Com isso ela ficou perdida, não sabia mais o que estava acontecendo. Ela amava seus pais, talvez até demais, e com isso, ela não sabia mais dizer se era certo chamar seus pais de mãe e pai. Ela compreendia o lado da mãe, que nunca foi capaz de fazer nada para impedir, visto que Yozora não contestava quando o pai lhe pedia algo, mas mesmo que aquela fosse a verdade nua e crua, era difícil para ela aceitar que sua mãe falasse de seu pai de tal maneira, e mesmo que ela estivesse certa, ela não era capaz de perdoá-la. Mas ela também não poderia ficar do lado do pai, porque ela se deu conta de que seu pai nunca deu a mínima para ela, que sempre a viu como uma maneira de ganhar dinheiro, em outras palavras, percebeu que estava sendo usada.
Ela acabou se afastando das únicas pessoas que ela tinha do seu lado, e passou a ser ainda mais solitária, mas isso nunca a incomodou, estar sozinha já era um costume. Mesmo sozinha, ela não se preocupava com isso, sua mente estava preenchida com outro tipo de preocupação. Ela não sabia mais o que fazer fora estudar, não que em algum momento ela soube o que fazer, mas ela nunca havia parado para pensar nisso. Ela queria saber o que faria assim que terminasse os estudos, afinal, ela nunca parou para pensar em que área ela se especializaria. Mas por muito tempo ela não foi capaz de decidir o que faria, e por muito tempo acreditou que não tinha uma resposta para isso. Mas conforme o tempo foi passando, uma nova questão apareceu em sua cabeça. “Eu tenho algum motivo para estar aqui?”. Essa questão perigosa fez com que ela passasse a se cortar regularmente e chegou a tentar cometer suicídio várias vezes, mas nunca foi capaz de acabar com a própria vida.
Demorou para Kazuya e Miya perceberem o que acontecia ali, cerca de um ano. Só perceberam que havia alguma anormalidade ali quando Yozora começou a tentar se suicidar, e foi por isso mesmo que demorou um tempo para que a vida de Yozora se estabilizasse um pouco. E só agora que ela está se preparando para voltar à rotina de antes, que se resumia sem dormir, comer, estudar, desenhar e ir para a escola.
[b]Diário:[/b]
Diário do Acaso.[/center][/font][/spoiler]
Tamaki Hoshikawa || Diário Servidor || Oitavo:

Nome da personagem:
Tamaki Hoshikawa.
「星川環」
Tamaki significa anel.
Hoshikawa não tem um significado, mas é escrito com os kanjis de estrela e rio.
Idade:
17 anos. Faz aniversário no dia 04 de dezembro, sendo assim, do signo de sagitário.
Gênero:
Masculino.
Imagem:

História:
Tamaki nasceu em uma tarde fria de outono em Kawagoe, Saitama, Japão. Ele era o filho do meio, sete minutos mais novo de Haruhi, e cinco minutos mais velho de Shizuka. Os pais de Tamaki não eram lá muito qualificados para serem pais, não era por questões financeiras, mas o maior problema é que eles ainda eram muito novos, mas a idade pouco importava para eles, e eles resolveram ter os três filhos, apesar de que quando a decisão foi feita, eles não tinham ciência de que eram trigêmeos.
Apesar de tudo, eles foram relativamente felizes nos três primeiros anos de vida dos trigêmeos. A mãe das crianças, Marika, sempre teve uma saúde frágil, e depois que as crianças nasceram, seu estado só se deteriorou, até chegar ao ponto de ter de ser internada. Como a mãe passou a viver em um quarto de hospital, uma boa parte da infância de Tamaki foi em um quarto de hospital, enquanto suas irmãs ficavam em casa.
Tamaki sempre foi mais próximo da mãe do que do pai, já que este vivia trabalhando. Por ser mais próximo e fazer mais visitas à mãe, ele foi assistindo ao estado da mãe se deteriorar ao passar dos anos. As cirurgias eram feitas com certa frequência, ela tomava muitos remédios e mal conseguia se levantar.
A gota d'água foi quando ele foi fazer uma visita, como sempre fazia, ainda mais porque ela havia feito (mais uma) cirurgia, mas disseram que seria melhor ele voltar outro dia. Outro dia para Tamaki era o dia seguinte, mas não conseguiu visitá-la mais uma vez. Depois de dias e dias voltando ao hospital para visitá-la, ele descobriu que seria realmente difícil visitá-la dali em diante, porque sua mãe entrou em coma induzido por certas circunstâncias.
Já não era fácil para Tamaki, e esse fato só piorou as coisas. Ele não tinha amigos, não se dava muito bem com as irmãs, nem com o pai e passava todo o tempo livre na frente do computador, fazendo pesquisas, jogando, programando e fazendo postagens para um blog. O único lugar onde ele se sentia bem, que não era seu quarto, era o quarto da mãe no hospital, onde ele conversava mais do que o normal.
Quase hikikomori. Essas são palavras capazes de definir o que Tamaki resolveu fazer dali em diante. Ele acabou se trancando dentro de casa, e só saía de lá quando necessário. Acontece que uma visita semanal à mãe era algo que ele considerava indispensável, e por isso, ia para lá, falar com ela, aos sábados. Ele basicamente se trancou dentro de casa a fim de evitar contato com outras pessoas que não fossem sua mãe.
Diário:

Diário Servidor.
Code:

Código:
[spoiler=Tamaki Hoshikawa || Diário Servidor || Oitavo]
[font=Arial Black][center][b]Nome da personagem:[/b]
Tamaki Hoshikawa.
「星川環」
Tamaki significa anel.
Hoshikawa não tem um significado, mas é escrito com os kanjis de estrela e rio.
[b]Idade:[/b]
17 anos. Faz aniversário no dia 04 de dezembro, sendo assim, do signo de sagitário.
[b]Gênero:[/b]
Masculino.
[b]Imagem:[/b]
[img]http://i.imgur.com/IyqHGXX.jpg[/img]
[b]História:[/b]
Tamaki nasceu em uma tarde fria de outono em Kawagoe, Saitama, Japão. Ele era o filho do meio, sete minutos mais novo de Haruhi, e cinco minutos mais velho de Shizuka. Os pais de Tamaki não eram lá muito qualificados para serem pais, não era por questões financeiras, mas o maior problema é que eles ainda eram muito novos, mas a idade pouco importava para eles, e eles resolveram ter os três filhos, apesar de que quando a decisão foi feita, eles não tinham ciência de que eram trigêmeos.
Apesar de tudo, eles foram relativamente felizes nos três primeiros anos de vida dos trigêmeos. A mãe das crianças, Marika, sempre teve uma saúde frágil, e depois que as crianças nasceram, seu estado só se deteriorou, até chegar ao ponto de ter de ser internada. Como a mãe passou a viver em um quarto de hospital, uma boa parte da infância de Tamaki foi em um quarto de hospital, enquanto suas irmãs ficavam em casa.
Tamaki sempre foi mais próximo da mãe do que do pai, já que este vivia trabalhando. Por ser mais próximo e fazer mais visitas à mãe, ele foi assistindo ao estado da mãe se deteriorar ao passar dos anos. As cirurgias eram feitas com certa frequência, ela tomava muitos remédios e mal conseguia se levantar.
A gota d'água foi quando ele foi fazer uma visita, como sempre fazia, ainda mais porque ela havia feito (mais uma) cirurgia, mas disseram que seria melhor ele voltar outro dia. Outro dia para Tamaki era o dia seguinte, mas não conseguiu visitá-la mais uma vez. Depois de dias e dias voltando ao hospital para visitá-la, ele descobriu que seria realmente difícil visitá-la dali em diante, porque sua mãe entrou em coma induzido por certas circunstâncias.
Já não era fácil para Tamaki, e esse fato só piorou as coisas. Ele não tinha amigos, não se dava muito bem com as irmãs, nem com o pai e passava todo o tempo livre na frente do computador, fazendo pesquisas, jogando, programando e fazendo postagens para um blog. O único lugar onde ele se sentia bem, que não era seu quarto, era o quarto da mãe no hospital, onde ele conversava mais do que o normal.
Quase hikikomori. Essas são palavras capazes de definir o que Tamaki resolveu fazer dali em diante. Ele acabou se trancando dentro de casa, e só saía de lá quando necessário. Acontece que uma visita semanal à mãe era algo que ele considerava indispensável, e por isso, ia para lá, falar com ela, aos sábados. Ele basicamente se trancou dentro de casa a fim de evitar contato com outras pessoas que não fossem sua mãe.
[b]Diário:[/b][/center]
Diário Servidor.[/font][/spoiler]
avatar
Miyune

Mensagens : 17
Data de inscrição : 28/01/2016
Idade : 17
Localização : Atashi no ie no naka de~

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPG] Mirai Nikki - Nova Geração

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum